Dia Mundial da Adoção

O amor acima de tudo!
Neste Dia Mundial da Adoção meu incentivo a este ato de amor incondicional de acolher, aproximar, de ser uma família.
São milhares de crianças e adolescentes que aguardam por um lar, e com a pandemia este número só aumenta.
Como se não bastassem os problemas de saúde e educação, um dos reflexos na área social causado pela Covid-19 é a queda da adoção. De acordo com matéria publicada pelo jornal Extra em março deste ano, com informações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em 2020 houve redução de 26,4% na concessão de sentenças, no comparativo com 2019, uma queda de 3.013 para 2.216 decisões. Dados do Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento (SNA) do Conselho de Justiça indicam que mais de 30 mil crianças e adolescentes estão em situação de acolhimento em todo o País, desse total mais de 4 mil estão aptas para serem adotadas. Mas quanto mais o tempo passa, eles crescem e menor ainda a chance da adoção.
As causas são diversas: desemprego, doença, aumento de divórcios, casos que ocorrem e impactam negativamente na esperança desses jovens.
Em Praia Grande o bem-estar e o estímulo à adoção de crianças e jovens sempre foi uma premissa em meus governos. A Administração Municipal sempre trabalhou em parceria com o Ministério Público Estadual no acolhimento deles.
Construímos 5 unidades de acolhimento com capacidade para cerca de 100 pessoas, mantendo juntas as crianças da mesma família, independente da idade. Essas unidades têm formato de residências, aproximando-se o máximo possível de um lar, possibilitando a participação deles em tarefas familiares de rotina como organizar seus brinquedos. Todos frequentam a escola e têm acompanhamento médico e psicoterapêutico, quando necessário, por meio da rede de atendimento do Município.
O programa Apadrinhamento Afetivo, implantado há quase 10 anos em Praia Grande, também é uma oportunidade para os que estão aguardando a adoção terem vínculos afetivos e experiências familiares.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *