Outras inovações

Enquanto algumas cidades ainda nem possuem coleta seletiva, Aberto Mourão demonstra, desde seu primeiro mandato, a preocupação com a sustentabilidade do planeta. Para ele, a coleta seletiva é o passo mais importante para que os resíduos cheguem adequadamente à reciclagem, já que os resíduos separados corretamente deixam de ser lixo.

A visão sistêmica de Mourão permitiu que o prefeito pensasse em ações que pudessem beneficiar a todos, inclusive os catadores que permaneciam nos lixões.

A coleta seletiva que já é uma realidade há anos no Município, atualmente, teve seu horário ampliado, passando a funcionar meia hora antes da coleta de lixo domiciliar, atendendo três vezes por semana cada bairro da cidade. Hoje, oito caminhões fazem esse serviço.

Criado para fazer a coleta de diversos tipos de materiais, os ecopontos já estão há anos na cidade de Praia Grande. Atualmente, o município já possui 20 contentores espalhados pelos bairros. Eles permitem que a população possa contribuir para que o descarte de itens recicláveis não seja feito de forma irregular.

As caçambas têm capacidade para comportar até 4m³ de resíduos cada uma. É possível descartar: vidro, plástico, entulho, metal e madeira. Além disso, os ecopontos recebem até 2m³ de entulho (resíduos da construção civil) por pessoa. As unidades também recebem pilhas e óleo de cozinha, alguns dos ecopontos também recebem pneus.