Desenvolvendo metodologias para organização

Quando Alberto Mourão assumiu pela primeira vez a prefeitura de Praia Grande, quase nunca se ouvia falar sobre a importância da hierarquia do sistema viário. A verdade é que poucos buscavam ter conhecimento sobre o assunto, o que levava à falta de solução para o caos do trânsito e transporte para aqueles que viviam e frequentavam a Cidade.

Trânsito entrada da cidade – 1994


Expressa Sul – 2020

Juntamente com sua equipe, Alberto Mourão criou uma metodologia para organizar o sistema viário do município. Era necessário ter o entendimento de que as vias não servem somente para veículos, isso porque o comportamento das pessoas têm sido diferente quando o assunto é priorização de utilização de espaços públicos e trânsito de pedestres e ciclistas, que cada vez mais conquista espaço nos projetos arquitetônicos de implantações de novas vias.

Mourão conseguiu hierarquizar as vias, definindo a função prioritária de cada elemento do sistema, que passou a ser contínuo e balanceado, resolvendo diversos conflitos de função nelas existentes.

Com o sistema contínuo, Mourão conseguiu diminuir as transições, proporcionando deslocamentos mais eficientes.

Quando implantou uma hierarquização funcional em Praia Grande, Mourão fez com que o sistema viário do Município tivesse organização e eficiência, isso porque cada plano de intervenção ou criação correspondia às respectivas funções e demandas, sendo de percurso ou acesso.